Upcycle é opção criativa para dar solução a embalagens feitas com BOPP

Terracycle, empresa presente em vários países, faz parceria com consumidores para transformar embalagens inutilizadas

A reciclagem do tipo de plástico BOPP, apesar de possível, é muito pouco difundida no Brasil devido à baixa rentabilidade do processo, pelo menos atualmente. Mas então, o que fazer com BOPP? Bom, você pode ajudar a produzir bolsas, cadernos, caixas de som, baldes plásticos, entre outros, com as suas embalagens usadas de biscoitos e salgadinhos, e ainda auxiliar instituições de caridade da sua escolha. E por incrível que pareça, não é preciso muito esforço para fazer tudo isso.

Basta você formar uma brigada e se cadastrar no site da Terracycle. Trata-se de uma empresa canadense que tenta reaproveitar resíduos para fazer produtos atraentes há dez anos. No início, a companhia lidava apenas com fertilizantes naturais, mas depois expandiu o ramo. Em 2009, a empresa iniciou seus trabalhos no Brasil. Atualmente, a Terracycle está presente em mais 16 países.

A sacada dos idealizadores é simples. Se não é possível ou financeiramente viável reciclar materiais que contêm BOPP, como embalagens de salgadinhos, biscoitos e sucos em pó, a solução é dar um upcycle neles, transformando-os em bolsas, cadernos, caixas de som, baldes, entre outros. A instituição faz a coleta dos resíduos e a manufatura dos novos produtos, que passam a ser vendidos em grandes redes de supermercado (WalMart) e sites (Gift Express e Greenvana). O dinheiro arrecadado pelos usuários cadastrados na Terracycle pode ser revertido para instituições de caridade.

Brigadas

No site da Terracycle, há nove brigadas ligadas a marcas famosas (Nestlé, BRF, Pepsico, entre outras), cada uma com uma especificidade. Assim que você escolher de qual brigada você quer fazer parte (fique atento ao número de vagas), é só cadastrar gratuitamente o seu time de coleta, que pode ser uma escola, organização ou empresa. É necessário que haja pelo menos um representante maior de 18 anos para que o cadastro seja efetivado. Essa pessoa terá acesso a selos pré-pagos pela Terracycle para envio de caixas com embalagens pelo correio. Assim que o seu time de coleta adquirir um número específico de embalagens (no caso da Brigada Biscoiteiros Nestlé, o número é 100), basta colar o selo e enviar gratuitamente para empresa.

Para cada embalagem (verifique na página da brigada se ela precisa ser da marca em questão ou não), o seu time recebe um valor em dinheiro, que será obrigatoriamente revertido para instituições de caridade. Ah, e você pode cadastrar sua equipe em quantas brigadas quiser, desde que haja vagas disponíveis.

Atualmente, as brigadas que lidam com BOPP são “Biscoiteiros Nestlé”, “BRF”, “Nescafé”, “Nestlé Chocolovers”, “Pepsico” e “Tang”.

Produtos

Assim que as embalagens chegam à Terracycle, elas se transformam em novos produtos. Há 41 itens cadastrados no site, como bolsas, mochilas, cadernos, guarda-chuvas, caixas de som, bancos de plástico, lixeiras, vasos, bolas, estojos e carteiras.

O mais interessante é que, depois que um desses produtos se danificarem, você pode reenviá-los à Terracycle e eles serão novamente reutilizados.

Números

De acordo com o site da empresa, existem, no Brasil, mais de 293 mil pessoas coletando resíduos para serem enviados à reutilização, cerca de 21,5 mil unidades de embalagens coletadas e aproximadamente R$ 85,5 mil arrecadados com a iniciativa.

Solução efetiva

O BOPP, como todo tipo de plástico, pode gerar uma série de impactos não somente ambientais, como também sociais, como entupimento de valas e bueiros - que causam enchentes e desalojamentos. Sem contar que boa parte dos plásticos acaba indo parar em ecossistemas marinhos, o que impacta diretamente a fauna local. Assim, a reutilização de embalagens na produção de novos produtos é uma solução efetiva para o momento, pois não é possível reciclar o material em larga escala. Ao mesmo tempo em que novos produtos são criados e evitam o gasto com energia e matéria-prima, os resíduos se retransformam e não vão parar em aterros sanitários e lixões.


Texto: Alberto Cerri
Imagens: www.terracycle.com.br


Veja também


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail