Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Medida é a mais rígida já tomada na área ambiental no país

Após a China anunciar que irá tirar carros das ruas e freará a produção industrial a base de carvão, os EUA devem seguir um caminho parecido. A Agência de Proteção Ambiental do país pode liberar nesta semana uma proposta para cortar em 30%, até 2030, as emissões da carbono em plantas de geração de energia no país – isso levando em conta os níveis de 2005. 

Caso sejam confirmadas, as regras devem ser as ações mais rígidas já tomadas pelo governo americano para frear emissões e poluição.

Nos Estados Unidos, o carvão é uma das principais matrizes energéticas, o que se configura em um problema ambiental devido às emissões (que podem alterar o equilíbrio do efeito estufa – veja mais aqui), além de contribuir para o aumento da poluição no país.

Mesmo ainda não tendo sido confirmado, há setores de ambientalistas que comemoram a decisão.

Embora o projeto ainda precise ser confirmado, ambientalistas comemoraram a decisão. No entanto, estima-se que pode haver confusões entre os Estados e a administração federal devido ao carvão.

Veja também:
-Para conter poluição, China deve reduzir uso de carvão para produção energética e industrial<