Scooter elétrica inflável pode ser transportada na mochila

eCycle

Pesquisadores desenvolveram scooter fácil de guardar e carregar e que ajuda a proteger o usuário em caso de acidente

Poimo - scooter elétrica
Imagem: Poimo/Divulgação

A organização de pesquisa Mercari R4D e uma equipe que inclui estudantes da Universidade de Tóquio desenvolveram em conjunto uma scooter elétrica inflável que os motoristas podem guardar dentro de uma mochila. Chamada Poimo, que significa "mobilidade portátil e inflável", a base da scooter é feita de poliuretano termoplástico e ela conta com componentes destacáveis, incluindo alças, rodas, bateria e motor.

Os criadores comparam a Poimo ao robô inflável da animação Big Hero 6, da Disney, que já o corpo da scooter pode ser inflado em questão de minutos usando uma pequena bomba.

Projetado para viagens curtas pela cidade ou para finalizar trajetos mais longos (como do metrô até o escritório), a Poimo é leve o suficiente para ser esvaziada, dobrada e transportada na mochila do usuário, permitindo que eles entrem e saiam em qualquer lugar que desejarem sem preocupação com a segurança ou estacionamento no local.

O pesquisador Ryosuke Yamamura, da Mercari R4D, desenvolveu a scooter sem fio em colaboração com um grupo de estudantes da Universidade de Tóquio e o designer Hisato Ogata, da Takram.

Embora existam outras soluções de micro-mobilidade, como bicicletas elétricas, scooters ou patinetes, que podem ser usadas para finalizar viagens maiores a partir de uma estação de trem ou ônibus, esses modelos ainda encontram problemas em relação à portabilidade, segurança e preço. Os designers da Poimo acreditam que parte do problema está na rigidez e no tamanho de propriedades necessárias ao transporte, como uma bicicleta, por exemplo.

Poimo - scooter elétrica
Gif: Poimo/Divulgação

"Cerca de 60% das viagens de carro no Japão são de curta distância, o que não é muito bom em termos de congestionamento e gases de efeito estufa", eles analisam. "Esta é uma situação semelhante em outros países. Acreditamos que um modelo de mobilidade como o permitido pela Poimo é necessário para substituír o atual padrão".

Os componentes rígidos da scooter, que incluem duas rodas dianteiras de oito polegadas, duas traseiras de seis polegadas, um motor, um controlador sem fio embutido e uma bateria de 70 por 110 milímetros de comprimento, pesam cerca de 5,5 kg no total.

A scooter nasceu de uma discussão em um evento de pesquisa do qual participaram os pesquisadores da Universidade de Tóquio Hiroki Sato, Young Ah Seong, Ryuma Niiyama e Yoshihiro Kawahara. Foi lá que eles criaram o conceito de uma solução de mobilidade inflável que seria segura em caso de acidente e portátil quando não estivesse em uso.

Poimo - scooter elétrica
Gif: Poimo/Divulgação

Segundo os projetistas, o corpo mole protegeria os pedestres e o motociclista em caso de acidente, criando uma "nova relação entre pessoas e mobilidade". A característica inflável da scooter também significa que ela pode ser facilmente personalizada, dizem os pesquisadores. Como o corpo é feito de tecidos "colados", o usuário pode transformá-lo da forma que desejar.

Por enquanto, a scooter é apenas um protótipo. A Mercari R4D e a equipe de pesquisa dizem que o produto final será mais leve e ainda mais portátil do que atualmente.


Fonte: Dezeen

Veja também:

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail

Utilizamos cookies para oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar pelo site você concorda com o uso dos mesmos. Saiba mais ×