Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

Engenheiro elétrico projetou veículo que está em fase de testes

Em testes há cerca de um mês nas ruas da capital paranaense, a bicicleta pode alcançar até 35 km/h se rodar uma distância entre 60 a 80 quilômetros, sem emitir nenhuma espécie de poluente. Isso é possível graças ao cilindro de hidrogênio que foi colocado no quadro de ferro e alimenta o motor, de tamanho pequeno, instalado na garupa da bicicleta.

Em Curitiba, surge mais um invento que tem como objetivo servir de meio de transporte que seja prático e, ao mesmo tempo, combata a poluição, que já se encontra em níveis acentuados. O responsável pela nova iniciativa é o engenheiro elétrico Giovani Gaspar. Ele criou uma bicicleta movida com motor a hidrogênio.

A intenção do criador também é projetar um estacionamento público para que as bicicletas sejam reabastecidas por uma fonte gratuita de energia. Isso seria possível por conta da captação de energia solar e água da chuva, que gerariam uma reação conhecida como eletrólise, que por sua vez gera o hidrogênio.