Nova tecnologia usa nanopartículas para reduzir os custos dos painéis solares

Pesquisa realizada no Canadá desenvolveu uma nova tecnologia para instalação de painéis solares 

A tecnologia dos painéis solares sempre foi considerada promissora, principalmente com a necessidade cada vez maior de exploração de fontes de energia renovável. Porém, o custo ainda é um grande empecilho para a popularização dos painéis. Estudos recentes da Universidade de Alberta, no Canadá, podem, no entanto, abrir caminho para a popularização da tecnologia.

Depois de estudar células de energia solar por vários anos, a equipe da professora Jillian Buriak (química e pesquisadora do Instituto Nacional de Nanotecnologia do Canadá) desenhou nanopartículas que absorvem luzem e conduzem eletricidade a partir de dois elementos bem simples e abundantes: zinco e fósforo. Sem contar que tais itens estão livres de restrições impostas às nanopartículas baseadas em chumbo (e que são comumente utilizadas no ramo).

A pesquisa da equipe de Buriak apoia uma abordagem promissora com o intuito de possibilitar, no futuro, a produção mais barata de células solares usando métodos de fabricação de massa, como a impressão roll-to-roll (como acontece com prensas de jornais) ou de revestimento por pulverização (semelhante à pintura automotiva). "Tintas à base de nanopartículas poderiam ser usadas para, literalmente, pintar ou imprimir células solares ou composições precisas", disse Buriak.

A equipe foi capaz de desenvolver um método sintético para fazer nanopartículas de fosforeto de zinco, e demonstrou que as partículas podem ser dissolvidas para formar uma tinta, além de serem processadas para fazerem filmes finos que são sensíveis à luz.

Buriak e sua equipe estão agora testando as nanopartículas em tintas e aplicando-as em forma de spray para aferir sua eficiência. A equipe tem um pedido de patente provisória e já garantiu financiamento para permitir o próximo passo.

Junto com esta última descoberta de nanopartículas da universidade, Buriak também está em uma equipe internacional de pesquisa, propondo um projeto global para desenvolver tecnologia de energia solar.

Fonte: University of Alberta

Veja também:
-Pesquisadores descobrem nova maneira de armazenar energia solar
-Guia para instalação de energia solar em casa
-Produzir energia solar é viável para 15% dos domicílios brasileiros
-A realidade é solar


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail