Apoio: Roche

Saiba onde descartar seus resíduos

Verifique o campo
Inserir um CEP válido
Verifique o campo
Lightbulb

The Kite repele mosquitos que podem transmitir doenças como malária e dengue

Verão nos lembra praia, diversão, gente bonita, férias. Para muitos, essa é a estação mais esperada do ano. Porém, como nem tudo na vida é perfeito, o verão também é a estação mais amada pelos mosquitos.

Mas os nossos amigos insetos não vão às praias e campos nesta época do ano só para terem o prazer de acabar com a nossa alegria. Segundo a pesquisadora da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP, Sirlei Antunes Morais, “as altas temperaturas, chuvas intercaladas e o precário saneamento básico em algumas regiões das cidades propiciam uma maior proliferação e desenvolvimento de diversas espécies que podem ser vetores de doenças para os humanos”.

É importante lembrar que, em países da África, milhares de pessoas são infectadas pela malária e dengue. Mas as chamadas doenças tropicais não são exclusividade do continente africano. Sobre a malária, o Dr. Dráuzio Varella diz em seu site: “No momento, estamos cercados pela malária, que se dissemina na periferia da floresta amazônica, e pela dengue, nas regiões urbanas, especialmente nas cidades próximas ao litoral”.

Novas alternativas para ajudar na prevenção destas doenças estão surgindo. Na Universidade da Califórnia, pesquisadores desenvolveram o “The Kite”, um adesivo que confunde o olfato dos mosquitos. Dessa forma, eles ficam inibidos, uma vez que os mosquitos geralmente são atraídos pelo CO2 que nós expiramos (confira o vídeo abaixo, em inglês).

Na homepage da empresa que financia o projeto, a ieCrowd, o adesivo é apresentado como algo que pode mudar vidas. A empresa realiza um crowdfunding para arrecadar recursos e iniciar os testes em um campo de pesquisa propício, Uganda. Se conseguir a aprovação da EPA (Agência de Proteção Ambiental dos EUA), o Kite poderá ser comercializado nos EUA.

A matemática é simples: quanto maior o número de pessoas que usarem o adesivo para evitarem o incômodo dos pernilongos e terem um verão ainda mais agradável, maior o subsídio para ajudar àqueles que enfrentam a malária e a dengue durante o ano todo.

Conheça o site oficial da companhia para saber mais sobre o projeto.

Veja também:
Seis tipos de plantas funcionam como repelentes naturais de insetos
Espante os mosquitos e aromatize o ambiente com cascas de laranja