Sete milhões de pessoas morreram devido à poluição em 2012, segundo OMS

eCycle

Dados mostram grande aumento no número de mortes causadas pela poluição em comparação com pesquisa anterior

Cerca de sete milhões de pessoas morreram em todo o mundo devido a complicações causadas pela poluição do ar no ano de 2012, de acordo com estimativas publicadas em um estudo lançado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), na última segunda-feira.

A poluição foi mais intensa na Ásia e no Pacífico. Do total de sete milhões de mortes, 5,9 milhões foram oriundas dessas regiões. 3,7 milhões de pessoas, em todo o mundo, morreram em decorrência de poluição em ambientes externos e 4,3 devido à poluição em ambiente doméstico.

Entre as causas de morte em ambiente externo, estão doença isquêmica do coração (40%), infarto (40%), doença pulmonar obstrutiva crônica (11%), câncer de pulmão (6%) e infecções respiratórias em crianças (3%). Nos óbitos ocorridos devido à poluição doméstica, as causas são infarto (34%), doença isquêmica do coração (26%), doença pulmonar obstrutiva crônica (22%), infecções respiratórias em crianças (12%) e câncer de pulmão (6%).

As novas estimativas são baseadas nos dados de mortalidade coletados pela OMS em 2012, assim como em evidências do risco à saúde causadas pela exposição à poluição. As estimativas em diferentes partes do mundo foram formuladas por meio de um novo mapeamento global, que incorporou dados de satélite sobre emissões de poluentes.

Como base de comparação, o estudo análogo anterior, que analisou dados do ano de 2008, constatou que 3,2 milhões de pessoas haviam morrido naquele ano, das quais 1,3 por poluição externa e 1,9 por poluição doméstica.

A partir dos dados analisados, os pesquisadores da OMS chegaram à conclusão de que os riscos que a contaminação do ar pode causar são maiores do que se imaginava, principalmente nos acidentes vasculares cerebrais (AVC) e em cardiopatias. "Poucos riscos possuem impacto tão grande na saúde mundial atualmente como a poluição de ar; as evidências mostram a necessidade de ação uma ação combinada para limpar o ar que nós mesmos respiramos", disse a diretora da OMS, Doutora Maria Neira.

Para ter acesso ao estudo completo, clique aqui.

Veja também:
-Pesquisa comprova aumento significativo da poluição no mundo
-Poluição do ar mata mais que Aids e Malária juntas, afirma órgão da ONU

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail

Utilizamos cookies para oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar pelo site você concorda com o uso dos mesmos. Saiba mais ×