O futuro dos gadgets

eCycle

Antropóloga cultural prevê o fim das interações entre homens e computadores e o início de verdadeiras relações

Conforme mais pessoas ganham acesso e dependem cada vez mais dos gadgets, esses pequenos aparelhos eletrônicos se tornam tão importantes a ponto de se tornarem indispensáveis no dia a dia. A antropóloga cultural Genevieve Bell, responsável pelo grupo de Pesquisa de Experiência e Interação da Intel Labs (Laboratórios Intel), busca compreender o que as pessoas esperam da tecnologia e como elas a utilizam.

De acordo com uma entrevista de Genevieve à revista Scientific American, as interações entre homens e computadores têm o potencial de evoluir para verdadeiras relações. Atualmente, há, por exemplo, smartphones com reconhecimento de voz e de digitais. A antropóloga vai além: ela imagina o que aconteceria se o aparelho também reconhecesse a voz de seus amigos ou até mesmo identificasse seu jeito de andar, armazenando tudo para referência futura, podendo ainda fazer sugestões melhores, baseados na situação em que o proprietário se encontra.

A antropóloga olha para o Siri (um aplicativo no estilo assistente pessoal) como o primeiro passo dessa relação, reconhecendo a interação e a noção de reciprocidade que a ferramenta oferece. Mas ela ainda pensa mais a fundo e estabelece possíveis relações entre computador, redes sociais e televisão - seria possível, por exemplo, que esses aparelhos soubessem que episódio de determinada série você assistiu por último e, com isso, programariam o próximo para ser exibido.

Portanto, será possível, no futuro, que os gadgets alertem sobre os perigos de se dirigir embriagado ou até mesmo recomendem visitar uma exposição que possa ser de interesse do proprietário. Claro, ainda há muitas limitações, já que os aparelhos se baseiam em gostos já expressos pelo usuário, mas não preveem mudanças de comportamento. E também existem os problemas relacionados à perda da privacidade e ao pré direcionamento de "vontades" aos usuários desses aparelhos. De qualquer modo, é inegável que essa interação pode trazer diversos benefícios no futuro.

Veja também:
-Anel com relógio embutido funciona com tecnologia sustentável
-Honda exibe tecnologia para prevenção de atropelamentos
-Tecnologia monitora a qualidade do ar em tempo real e apresenta suas condições via smartphones


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail