Infográfico: veja as medidas sustentáveis que estão sendo utilizadas na reforma do Maracanã

eCycle

Reaproveitamento de água e uso de energia solar são algumas das inovações para implantação do selo sustentável

O estádio Jornalista Mário Filho, mais conhecido como Maracanã, localizado no Rio de Janeiro, está passando por obras para melhor atender ao público na Copa do Mundo de 2014 e nos Jogos Olímpicos em 2016. Para evitar impactos ambientais, as reformas estão adotando algumas ações sustentáveis orientadas pela certificação Leadership in Energy and Environmental Design (LEED), exaltada em todo o mundo.

A cobertura da arena terá placas com capacidade de captar energia solar. As águas das chuvas serão reaproveitadas, o que pode reduzir em até 30% o consumo desnecessário.

Os restos de entulho também serão reciclados e reutilizados em outras áreas, evitando a emissão de diversos poluentes provenientes da construção civil e que prejudicam a atmosfera. As rodas de todos os veículos utilizados nas reformas são lavadas antes de saírem do canteiro de obras para evitar que as vias públicas sejam sujas.

Essas e outras ações sustentáveis estão sendo aplicadas no Maracanã e em outras 11 sedes da Copa do Mundo de 2014 em busca do selo de certificação ambiental. O governo do Rio de Janeiro produziu um infográfico com informações mais detalhadas sobre o trabalho. Confira abaixo:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail