Salvia sclareia: o óleo essencial do equilíbrio, da saúde e da beleza

eCycle

O óleo essencial da planta pode ser utilizado para tratar problemas menstruais, desiquilíbrio hormonal, problemas circulatórios, ansiedade e muito mais!

Salvia sclareia

Salvia sclareia é uma planta pertencente à família Lamiaceae, que abrange mais de mil espécies diferentes. Oriunda da Europa e da Ásia ocidental, a Salvia sclareia, conhecida popularmente como sálvia ou sálvia esclareia, é muito presente na cozinha, sendo utilizada como tempero, erva medicinal e consumida na forma de chá. Além disso, a planta é utilizada como planta ornamental. Seu nome "salvia" vem do latim "salvare" ou "salveo", que significa "salvar", fazendo jus à fama de "curar tudo" que a salvia possui. Seu óleo essencial concentra propriedades que apresentam uma série de benefícios para a saúde física e emocional. Seus benefícios já eram conhecidos na antiguidade romana, grega e egípcia - sendo conhecida por estes dois últimos por ter a propriedade de trazer a fertilidade; e sua existência foi citada por Plínio Dioscórides.

O nome "esclareia" vem do latim e significa “claro”. Na Idade Média, a Salvia esclareia era conhecida como “oculus Christi”, ou seja, “o olho de Cristo”. No passado, havia a crença de que beber o seu chá, além de aliviar a dor de garganta, poderia clarear a mente e a vista, ajudando as pessoas a entenderem o que acontecia em sua volta ou o que poderia acontecer no futuro.

Óleo essencial

A Salvia sclareia tem sido muito cultivada para a produção de seu óleo essencial. Nesse formato, as propriedades da sálvia - muito semelhantes às do óleo da sálvia comum (Salvia officinalis) - se concentram em pequenas quantidades. Mas a principal diferença entre o óleo essencial da Salvia sclareia e da sálvia comum é que o óleo essencial da esclareia é muito mais seguro, pois contém menos tuiona, sendo menos tóxico.

Inalar o óleo essencial de Salvia sclareia antes de se deitar produz efeitos significativos, podendo gerar sonhos nítidos e intensos, ajudando as pessoas a revelarem ou trabalharem questões emocionais. Ao despertar, ela pode provocar ainda um estado mental de euforia.

As propriedades medicinais do óleo essencial da sálvia esclareia são muitas: é relaxante, adstringente, antisséptica, aromática, fortalecedora dos cabelos, regeneradora celular, tem ação antidepressiva e um forte efeito antiespasmódico, além de expressar a mesma atividade que o estrogênio, o hormônio feminino.

O óleo essencial de Salvia sclareia é especialmente indicada para ansiedade, artrite, asma, depressão, estresse, indigestão, memória, menstruação ausente ou escassa, pressão alta e TPM. Além disso, é uma das melhores opções para ser usada no momento do parto.

Adicionada a um óleo de massagem neutro, como o óleo de amêndoas, óleo de coco, óleo de semente de uva, entre outros, a sálvia esclareia relaxa os músculos. Sua ação relaxante pode reduzir espasmos musculares e reduzir a pressão arterial. É ainda especialmente útil para problemas femininos, como cólicas menstruais, além de ter se estabelecido como um dos melhores remédios para os "calorões" da menopausa.

Como usar

Se o uso for pela via oral, devem ser adicionadas de uma a duas gotas de óleo essencial de Salvia sclareia em uma colher de óleo de coco para tratar problemas menstruais.

Se for via dérmica, ou seja, pela pele, deve ser aplicada uma proporção de 1% de óleo essencial de Salvia sclareia para 99% de creme carreador (óleo de amêndoas, de coco, de semente de uva, etc.) no baixo ventre.

Se for para tratar amenorreia, problemas ginecológicos, infecções genitais por insuficiência hormonal, infecções genitais por insuficiência hormonal, menopausa, frigidez, impotência, fadiga nervosa, micoses, colesterol alto, problemas circulatórios e ansiedade e insônia devem ser aplicadas duas gotas de óleo essencial de Salvia sclareia num pedaço de algodão fazendo ciclos de inalação de dois minutos três vezes ao dia.

Mas atenção: o uso de óleo essencial de Salvia sclareia não é recomendado para gestantes, pessoas que amamentam, bebês e crianças; nem em pessoas com casos de mastose mamária ou cânceres hormonais.

Quer aprender mais sobre aromaterapia? Confira a matéria: "O que é aromaterapia e quais seus benefícios?".



Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail