Montreal constrói pontes com garrafas de vinho recicladas

eCycle

Projeto sustentável propõe a criação de duas pontes em Montreal utilizando 70 mil garrafas de vinho recicladas

Pontes de garrafas de vinho Montreal
Imagem de Walid Amghar no Unsplash

Até 2021, a cidade de Montreal, no Canadá, terá duas pontes construídas com garrafas de vinho. As obras da primeira já começaram e o processo de edificação está em estágio avançado. A segunda começará a ser construída no ano que vem.

O projeto é o primeiro do gênero a ser colocado em prática no mundo. Cerca de 70 mil garrafas de vidro serão utilizadas na criação de duas pontes na Ilha das Freiras, localizada a leste da ilha de Montreal, na província canadense de Quebec. As pontes de garrafas recicladas vão substituir dois viadutos na cidade.

Entenda o projeto

Montreal vem se esforçando há anos para reduzir os efeitos das mudanças climáticas. De acordo com o MTL Blog, a cidade integra pó de garrafa de vidro em seus pavimentos desde 2011. A ideia, agora, é fazer algo parecido com as pontes e, no futuro, pensar em outras soluções sustentáveis para as edificações da cidade.

Étienne Cantin Bellemare, designer e engenheiro-chefe do projeto, afirma que a inspiração surgiu a partir de uma pesquisa realizada pela Universidade de Sherbrooke, em Quebec. A ideia começou a tomar forma em 2017, quando Bellemare e seus colegas começaram a estudar a integração do pó de garrafa de vidro em grande escala. A Ponte Darwin, na Ilha das Freiras, foi escolhida para ser o projeto-piloto.

As duas pontes serão construídas a partir da mistura de 70 mil garrafas de vinho com 40 mil quilos de cimento. Elas vão conter cerca de 10% de vidro reciclado finamente moído, o que não é bom apenas para o meio ambiente, mas também para conferir maior resistência às pontes.

Bellemare explica que o pó de vidro aumenta a durabilidade do concreto, tornando-o mais resistente a congelamentos, descongelamentos, gelo e sal. Uma das pontes ficará pronta nas próximas semanas, enquanto a segunda começará a ser construída em abril de 2021. Estima-se que a duração das obras da segunda ponte seja de seis meses.

A sustentabilidade não é a única preocupação do projeto – a ideia é que elas também chamem a atenção pela beleza. Por isso, o escritório de arquitetura Provencher Roy trabalha no projeto para torná-lo esteticamente único, com um toque de sofisticação.



Veja também:

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail

Utilizamos cookies para oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar pelo site você concorda com o uso dos mesmos. Saiba mais ×