ONG nos EUA usa bicicletas para distribuir alimentos que seriam desperdiçados

eCycle

Boulder Food Rescue redireciona mais de 700 toneladas de alimentos frescos para consumo por ano

Boulder Food Rescue
Imagem: Boulder Food Rescue - Divulgação.

A ONG Boulder Food Rescue tem feito um trabalho impressionante na cidade de Boulder, nos Estados Unidos. Desde 2011, o grupo utiliza bicicletas para recolher alimentos frescos que seriam jogados fora e levá-los até instituições comunitárias e de caridade que atendem grupos de risco alimentar. Os itens coletados são frutas, verduras e vegetais fora dos padrões de venda dos mercados ou que já estão muito maduros para serem comercializados. Como os alimentos são doados para consumo rápido, em geral sendo preparados ainda no mesmo dia, não há problema algum. A intenção é evitar o desperdício de comida e contribuir para o combate à fome e à insegurança alimentar.

O trabalho começou com cinco jovens da Universidade do Colorado e hoje conta com centenas de voluntários para a coleta e distribuição dos alimentos frescos. Uma das fundadoras da ONG, Hana Dansky, conta que eles começaram pedindo doações em lojas e organizando uma refeição semanal no parque, em que todos cozinham e comem juntos. “Pessoas com casa e pessoas sem casa cozinham juntas, se servem e comem juntas e depois limpam as coisas juntas, quebrando a percepção tradicional de quem serve quem.” Esses eventos ainda acontecem, mas atualmente em uma proporção muito maior. Os participantes do evento, diz Dansky, sempre dizem que aquela foi a refeição mais saudável que eles fizeram a semana toda.

No começo, o grupo coletava alimentos frescos em uma única loja, uma vez por semana. A iniciativa cresceu rápido e, após quatro anos, já contava com 150 voluntários ativos coletando doações 10 vezes por dia, todos os dias da semana, entregando mais de 450 kg de comida saudável por dia, sempre de bicicleta. São 700 toneladas de alimentos em bom estado poupados todos os anos.

Infográfico - Boulder Food Rescue
Imagem: Boulder Food Rescue - Divulgação.

O meio de transporte surgiu como forma de deixar o projeto ainda mais amigável ao meio ambiente, uma vez que pedalar não gera impacto ambiental e diminui a pegada de carbono. Segundo dados da Agência de Proteção Ambiental norte-americana, 42% das emissões de gases de efeito estufa do país são geradas pela produção, transporte, uso e descarte de coisas que as pessoas compram - incluindo comida. A agricultura é também responsável pelo uso de 70% de toda a água do mundo, segundo a FAO. Além disso, explica a Boulder Food Rescue em seu site, a comida em geral é desperdiçada a apenas alguns quarteirões de onde ela seria necessária.

Nos EUA, um em cada sete americanos não tem o suficiente para comer. Além disso, o desperdício de comida é tão grande que seria possível fazer refeições para todas as pessoas vivendo em insegurança alimentar. O maior problema é a distribuição dos alimentos, processo que conta com uma perda de 50% dos produtos, segundo dados da FAO de 2013. O acesso à comida de qualidade é ainda mais difícil para pessoas de baixa renda.

No Brasil também existem ONGs que fazem esse serviço de coleta e redistribuição de alimentos fora dos padrões de consumo, como é o caso do Banco de Alimentos.

O vídeo (em inglês) mostra um pouco mais sobre o trabalho da Boulder Food Rescue.


Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail