Maior prêmio ambiental da ONU recebe inscrições para 2020

eCycle

Fundado em 2005, o prêmio Campeões da Terra celebra pioneirismo em quatro categorias: liderança política; Inspiração e ação; Visão empreendedora e Ciência e inovação

Premiação
Foto: PNUMA

As indicações para o prêmio Campeões da Terra 2020, o maior prêmio ambiental da ONU, foram abertas na segunda-feira (20), com o objetivo de reconhecer a contribuição de líderes destacados de governo, sociedade civil e setor privado cujas ações tiveram um impacto positivo sobre o ambiente. As candidaturas permanecerão abertas até 20 de março de 2020.

Fundado em 2005, o prêmio celebra pioneirismo em quatro categorias: liderança política; inspiração e ação; visão empreendedora e ciência e inovação.

“Por meio do prêmio Campeões da Terra, o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) busca reconhecer as imensas contribuições de pessoas de todas as esferas da vida que apoiam a saúde do planeta”, disse Inger Andersen, diretora-executiva do PNUMA. “Em um momento em que a humanidade continua causando estragos em nosso meio ambiente, comemoramos os indivíduos, comunidades, empresas e governos que se esforçam para proteger a Terra.”

Todos os anos, os Campeões são selecionados entre centenas de indicações globais, enviados por meio de um processo de indicação pública; a lista de indicados é finalmente submetida a um júri – composto por uma ampla gama de especialistas em meio ambiente que seleciona os premiados.

Desde o seu lançamento, o PNUMA entregou o prêmio Campeões da Terra a 93 pessoas, de líderes mundiais a defensores e defensoras ambientais e criadores de tecnologia. São 22 líderes mundiais, 57 indivíduos e 14 grupos ou organizações.

“Ser nomeada Campeã da Terra foi uma grande honra para nós e nos inspirou a trabalhar ainda mais para proteger os animais da África do Sul”, disse Collet Ngobeni, do Black Mambas, a primeira unidade de guarda florestal anti-caça ilegal da África do Sul. “Todos nós podemos ser Campeões da Terra, basta proteger a natureza.”

Os Campeões da Terra de 2019 foram: a Costa Rica, na categoria ‘Liderança política’; Ant Forest, um miniprograma chinês e iniciativa de plantio de árvores; e o movimento climático jovem, Fridays for Future, na categoria ‘Inspiração e ação’; a professora Katharine Hayhoe, cientista climática da Texas Tech University na categoria ‘Ciência e inovação’; e a marca de roupas para esportes radicais Patagonia, na categoria ‘Visão empresarial’.

Os prêmios serão entregues aos vencedores deste ano em uma cerimônia no final de 2020.

Fonte: ONU Brasil

Veja também:

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail