Projeto "Horta na Laje" é o grande vencedor do Prêmio GEEIS-SDG, em Nova Iorque

eCycle

A iniciativa ganhou prêmio inédito para ações que promovem a igualdade de gênero como forma de corroborar com os objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU

horta

São Paulo, setembro de 2019 – A Sodexo, por meio do Instituto Stop Hunger, Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), sem fins lucrativos, criada e mantida pela companhia com a missão de combater a fome e a má nutrição, foi a grande vencedora do Troféu GEEIS-SDG (Gender Equality European & International Standard – Sustainable Development Goals) com o projeto Horta na Laje. A premiação inédita foi idealizada e promovida pela Arborus e tem o propósito de reforçar que a igualdade de gênero é a força motriz por trás da realização dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas.

Além da Sodexo, a premiação realizada no dia 16, reuniu na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, as empresas Camfil, Danone, L'Oréal e Orange, que também concorreram ao prêmio. Cada uma das empresas foi convidada a apresentar até dois projetos, de qualquer lugar do mundo, sendo apenas um selecionado pelo júri liderado por Cristina Lunghi, fundadora da Arborus, e composto por: Nicole Ameline, ex-ministra francesa e vice-presidente da CEDAW (Comitê da ONU para a eliminação de todas as formas de discriminação contra a mulher); Laura Palmerio, especialista do Pacto Global; Mara Marinaki, Embaixadora e principal conselheira do Serviço Europeu para equidade de gênero; Sonia Ramzi, ex-braço direito do Dr Boutros-Ghali (ex- secretário geral das Nações Unidas) e especialista da UNESCO; e Bertrand Frot, representante do Programa de Desenvolvimento da ONU.

De acordo com Fernando Cosenza, vice-presidente de marketing estratégico, inovação e sustentabilidade da Sodexo Benefícios e coordenador global do Stop Hunger para o Brasil, a Sodexo é uma empresa que promove, de forma sistemática e consistente, a equidade de gênero entre seus colaboradores, por meio de políticas, programas e iniciativas de conscientização, inclusão e prática diária da diversidade. “Para nós, é uma honra receber este prêmio, que vem ratificar a importância de nossa atuação como empresa cidadã, por meio do Horta na Laje, gerando projeção internacional para um projeto genuinamente brasileiro".

Ele também afirma que esta iniciativa, criada e conduzida pelo Instituto Stop Hunger do Brasil, foi a maneira que encontraram de apoiar as mulheres de uma das maiores comunidades em situação de vulnerabilidade social do Brasil, oferecendo a elas oportunidades de geração de renda, de prática de hábitos mais saudáveis de alimentação e, porque não dizer, de transformação social por meio do empoderamento feminino. "Acreditamos que capacitar e desenvolver as mulheres é fundamental para a erradicação da fome, pois há uma relação direta entre a melhoria da situação social das mulheres e o progresso na luta contra a fome”, explica Cosenza, que representou o Instituto e recebeu o trófeu na sede da ONU, na noite de ontem.

Criado pela Arborus, a organização internacional sem fins lucrativos por trás do rótulo internacional de igualdade de gênero GEEIS, o Troféu GEEIS-SDG demonstra a ligação inseparável entre o SDG5 (a igualdade de gênero - em particular a questão da igualdade no local de trabalho) e a salvaguarda do planeta e da paz no mundo, conforme capturado pelos outros ODS. Este reconhecimento será concedido apenas a empresas certificadas pelo GEEIS e signatárias das convenções internacionais do Pacto Global e Princípios de Empoderamento das Mulheres.

“Estamos convencidos de que precisamos mudar o paradigma para ter uma sociedade mais igualitária e pacífica. E o ponto crucial dessa mudança é o empoderamento das mulheres, para que elas possam alcançar igualdade real com os homens. É por isso que criamos o GEEIS, para orientar, estruturar e avaliar políticas de igualdade e inclusão de empresas em todo o mundo. A GEEIS já leva em conta os objetivos do G7, G20 e Beijing + 25 sobre desenvolvimento sustentável com e por mulheres”, explica Cristina Lunghi, fundadora da Arborus.

Projeto Horta na Laje

Desenvolvida em Paraisópolis, uma das maiores comunidades da cidade de São Paulo, a iniciativa tem como objetivo capacitar moradores, especialmente mulheres, a produzirem o próprio alimento por meio do ensino de técnicas de plantio em vaso ou recipientes plásticos, para que sejam capazes de cultivar as hortaliças em suas casas. Dessa forma, o projeto propicia uma fonte de alimentação saudável e segura, bem como condições para a geração de renda e a transformação da região em um ambiente sustentável e com qualidade de vida, uma vez que a agricultura na laje ajuda a diminuir a temperatura da casa, em alguns casos com uma diferença de 3 a 4 graus.

Desde 2017, ano de sua fundação, o projeto já capacitou mais de três mil moradores, a maioria mulheres, e recebeu mais de quatro mil visitantes, do Brasil e do exterior, interessados no projeto e em conhecer a comunidade. O restaurante Bistrô e Café Mãos de Maria, que serve comida típica brasileira e também oferece oficinas de culinária com viés empreendedor, está instalado no mesmo espaço do projeto, que fornece insumos diários para o cardápio do restaurante. A inciativa conta ainda com a parceria da União dos Moradores e do Comércio de Paraisópolis, a Associação de Mulheres de Paraisópolis e o Instituto Escola do Povo.

Gender Equality European & International Standard - GEEIS

Trata-se de uma certificação internacionalmente reconhecida para empresas que demonstram compromisso forte e efetivo para alcançar a igualdade de gênero no local de trabalho. Até o momento, 15 empresas em todo o mundo receberam certificações GEEIS, totalizando 200 entidades em 37 países.

Recentemente, o Grupo Sodexo recebeu a certificação Gender Equality European & International Standard (GEEIS), nível três (de cinco), que reconhece a igualdade de gênero em organizações ao redor do mundo. A companhia também está entre as 230 empresas presentes no Índice Bloomberg’s 2019 Gender-Equality Index (GEI), que destingue as empresas comprometidas com a igualdade de gênero e mede o avanço da igualdade das mulheres no meio das organizações.


Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail