Choque térmico pode ter causado morte de 40 mil peixes no Piauí

eCycle

Em barragem na cidade de São Julião, peixes morreram "da noite para o dia"

Aproximadamente 40 mil peixes da espécie tilápia morreram no dia 1º de maio, na cidade de São Julião, na região do sertão piauiense, dentro de tanques de uma barragem. Acredita-se que o incidente tenha ocorrido devido ao choque térmico, pois a temperatura caiu de forma brusca nos últimos dias no local.

Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), o calor era intenso no recém-finalizado verão do sertão e, de maneiras pouco comum, a temperatura chegou a apenas 19ºC. Na noite do dia 30 de abril, todos os peixes se alimentaram normalmente, mas os criadores foram surpreendidos na manhã do dia 1º de maio.

Além das vidas perdidas dos animais, cerca de 20 famílias perderam sua fonte de renda, de acordo com a Associação de Produtores de Peixes do Estado. Estima-se que o prejuízo seja de R$ 125 mil.

A atividade de criação de peixes ocorre desde o fim de 2013 no local, quando uma das maiores barragens do Piauí foi finalizada. Houve incentivo do Governo Federal para que o projeto fosse levado adiante. Com o desastre, é possível que haja nova injeção financeira governamental.

Ainda não é possível definir se a queda de temperatura foi resultando de algum fenômeno climático pouco comum ou até se há relação do fato com alterações climáticas de influência humana.


Veja também:


 

Comentários  

 
0 #1 2014-06-08 10:13
muito triste. aconteceu algo diferente, acho que foi no rio grande do sul, uma granja com uns 40 mil pintos acabou esfriando pois houve um apagão e toda a granja dependia de um sistema de aquecimento por energia elétrica. até tentei fazer uma petição no site change.org pra criar uma lei que exija uma engenharia mais segura para evitar desperdícios em massa, tanto em granjas, quanto qualquer curral, aquários, etc.
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail