O que é Lixo Zero?

eCycle

Lixo Zero é um movimento em prol de uma sociedade sustentável e sem lixo

Lixo Zero é um movimento em prol de uma sociedade sem lixo, em que os materiais orgânicos viram adubo e os materiais recicláveis são reinseridos na cadeia produtiva, potencializando ao máximo o reaproveitamento de resíduos e a redução ou fim do encaminhamento de lixo para os aterros sanitários e lixões. Segundo a Aliança Internacional do Lixo Zero, o conceito representa um objetivo ético, econômico, pedagógico, eficiente e visionário, com foco na orientação da sociedade para a mudança do estilo de vida e para práticas que incentivem a sustentabilidade.

Tipos de resíduos

A palavra lixo é utilizada para referir-se à mistura de resíduos e rejeitos. No entanto, para dar o destino correto para cada material e diminuir a quantidade de lixo gerada, é importante saber diferenciá-los uns dos outros. Resíduo é tudo aquilo que sobra de determinado produto, seja sua embalagem, casca ou outra parte do processo, que pode ser reutilizado ou reciclado. Já o rejeito é um tipo específico de descarte, aquele para o qual ainda não existe nenhuma possibilidade de reaproveitamento ou reciclagem.

Os R’s do Lixo Zero

  • Repensar: acabar com a ideia de que resíduos não possuem valor, já que eles podem ser reciclados ou compostados;
  • Reutilizar: diversos objetos e materiais podem ser reutilizados, ajudando a combater o desperdício;
  • Reduzir: gerar a menor quantidade de lixo possível, consumindo apenas o necessário;
  • Reciclar: reaproveitar a matéria-prima do resíduo para fabricar o mesmo ou outro tipo de produto, sem encaminhá-lo para aterros.

Por que aderir ao movimento Lixo Zero?

A grande maioria dos recursos naturais são finitos, o que significa que não podem ser regenerados ou reutilizados em uma escala capaz de sustentar sua taxa de consumo. Atualmente, nosso sistema produtivo funciona de forma linear, o que não é sustentável devido à exploração excessiva de recursos naturais e ao grande acúmulo de resíduos. Nós exploramos a matéria-prima, produzimos bens e depois os descartamos. A obsolescência programada gera resíduos que não recebem novos usos e se acumulam exponencialmente. Comparando com os países da América Latina, o Brasil é o campeão de geração de lixo, produzindo cerca de 541 mil toneladas por dia, segundo dados da Organização das Nações Unidas.

Além da questão ambiental, os efeitos econômicos e sociais também são relevantes. O índice baixíssimo de reciclagem faz com que o Brasil perca em média oito bilhões de reais por ano, valor que evidencia a importância do setor de reaproveitamento de resíduos para a economia. Nos lixões ainda existentes, o trabalho de catadores é insalubre e em total desacordo com os direitos humanos. Por outro lado, as cooperativas de catadores, as centrais de triagem, as fábricas de reciclagem e as atividades de reúso de materiais oferecem empregos dignos e de fundamental importância para a preservação do planeta e da nossa própria espécie.

Por isso, é fundamental que cada um faça a sua parte no cuidado com o planeta. Consumir conscientemente e com responsabilidade, fazer compostagem, separar os materiais recicláveis e garantir que eles tenham o destino correto fazem parte das atitudes que podemos adotar em prol de uma sociedade lixo zero e sustentável.

Como apoiar o Lixo Zero na prática?

Ainda que seja difícil evitar a produção de lixo, todos podem colaborar para a redução da quantidade gerada. Veja como você pode apoiar o Lixo Zero na prática:

Reduza o seu consumo

Uma das formas mais eficazes para chegar ao lixo zero é reduz o consumo. De forma óbvia, quanto menos as pessoas consumirem, menor será a produção de resíduos. Adquirir itens que não são necessários ou em embalagens desproporcionais é um hábito comum e que colabora para o aumento da taxa de lixo. Refletir sobre seu estilo de vida permite que você consuma apenas o que é necessário e de forma sustentável.

Faça compras locais e a granel

Fazer compras locais diminui a quantidade de caixas e plásticos necessários para o transporte dos itens. Além disso, se a aquisição for feita a granel, você pode levar sua própria embalagem reutilizável, como saquinhos de pano ou potes de vidro. Outra boa dica é sempre usar sacolas retornáveis para carregar as compras.

Tenha canudos e copos próprios

Os copos e canudos descartáveis são um grande problema para o meio ambiente. Além de aumentarem a quantidade de lixo que dificilmente será reciclado, por vezes os materiais vão parar nos rios e mares, o que causa impactos para diversas espécies aquáticas. Para se ter uma ideia, a contaminação de plástico nos oceanos mata, anualmente, 100 mil animais marinhos.

Por outro lado, alguns lugares como o estado de São Paulo já proibiram o uso e o comércio de tais artigos. Sendo assim, o canudo de papel é cada vez mais presente, já que é uma opção biodegradável. Porém, ele também acaba sendo fonte de poluição até sua completa degradação. Opções melhores são os canudos comestíveis e os modelos de canudo compostável.

Use embalagens reaproveitáveis

Outra forma de diminuir a quantidade de lixo gerada é adquirir produtos que venham em embalagens reaproveitáveis, evitando materiais como plástico e isopor.

Separe o lixo corretamente

Por fim, para que seja possível reaproveitar os materiais, eles precisam ser separados corretamente. O ideal é separar o lixo em três partes: recicláveis, orgânicos que podem ser compostados e rejeitos a serem destinados ao aterro sanitário.

O movimento Lixo Zero é muito importante para o meio ambiente. Ainda que estejamos longe de atingir esse patamar, todos devem contribuir para diminuir a quantidade de resíduos produzidos. Para isso, a indústria e o comércio podem rever a forma como os produtos são fabricados e embalados.

Os consumidores, por sua vez, podem adotar o consumo consciente, além de boas práticas de descarte para o lixo gerado. Não é preciso abrir mão de todo o consumo, mas é importante ter comprometimento com um estilo de vida sustentável, estabelecer metas para reduzir o descarte de resíduos e esforçar-se para cumpri-las.


Fonte: Lixo Zero

Veja também:

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail

Utilizamos cookies para oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar pelo site você concorda com o uso dos mesmos. Saiba mais ×