Discos de vinil podem ser ótimas matérias-primas para decorar sua casa

Utilizando técnicas simples de reaproveitamento, é possível ter um ótimo resultado

Com o avanço da tecnologia, certas mídias muito famosas ficaram para trás, como os velhos discos de vinil e até os CDs, que eram o ícone da modernidade em meados dos anos 90. Mas ainda existem os saudosistas, que gostam de colocar um LP no aparelho de som, sentar na poltrona e curtir uma boa música, observando as informações adicionais presentes no encarte, além da própria arte do álbum. Há também os que reivindicam a melhor qualidade do som analógico vindo dos "bolachões".

Tudo isso representou uma tímida ressurreição na fabricação de LPs. No Brasil, há uma fábrica, no Rio de Janeiro, que foi reativada. Sem contar que os amantes dessa mídia se reúnem em feiras específicas para trocar raridades. 

Mas, se você não se apegou tanto ao formato ou se, por outro lado, você gosta tanto de música que está pensando em dar uma animada na decoração com discos de vinil, confira dicas bem legais:

Relógio de parede

Retire o mecanismo de funcionamento de um relógio de parede convencional. Em seguida, utilize cola quente para fixar o "coração" do relógio na parte de trás do vinil, de modo que a haste que segura os ponteiros se encaixe exatamente no buraco localizado no centro do vinil. Basta colocar os ponteiros e a pilha e está pronto! Se tiver vontade e criatividade, você pode decorar seu novo relógio (veja foto acima), mas sem esquentá-lo (saiba mais no último item);

Porta-copos 

Bem simples de se fazer. Corte a parte do meio do vinil, onde há a descrição das músicas. Depois, é só colocar a "bolachinha" em cima da mesa, para evitar os anéis de bebida e deixar sua casa mais estilosa;

Mesa lateral

Você vai precisar de um LP antigo e riscado, um suporte (pode ser de madeira ou de metal) e uma pistola de cola. Aqueça a cola e, quando estiver pronta, aplique uma linha sobre o suporte do local onde o LP vai ser colocado. Depois coloque o LP no lugar certo enquanto a cola está quente (dê uma olhada na imagem do início da matéria para visualizar o processo);

Organizador de livros ou discos

Essa é bem fácil. Tudo o que você tem que fazer é juntar um disco para cada letra do alfabeto e colar um adesivo indicativo em cada um deles. Depois, basta colocá-los como divisores de discos ou livros em uma estante;

Capa de caderno 

Aproveite para reutilizar duas coisas de uma só vez: o vinil e folhas de papel que estiverem sobrando em sua residência. Corte dois LPs do mesmo tamanho das folhas. Em seguida, faça oito buracos na lateral dos dois vinis (que serão a capa e a contra-capa do caderno), tomando cuidado para não danificar todo o disco. Feito isso, é só levar em algum lugar para encadernar!

Haja o que houver, não esquente o vinil

Há muitos sites que indicam formas de reaproveitamento que necessitam esquentar o vinil com água quente ou diretamente no forno. Isso pode representar um grande risco, pois o disco de vinil é feito com PVC que, ao ser aquecido, libera dioxina, uma substância bem problemática ao meio ambiente e à saúde humana.


Imagem: Top Dreamer 



Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail