Designer argentino cria estojo de papelão

Baseado no antigo estojo de madeira, o modelo de papelão é feito sem nenhum desperdício de material

Se você tem mais de 35 anos ou gosta de xeretar nas velharias dos seus pais ou avós, deve conhecer o clássico modelo do estojo de madeira. Com a ascensão de outros materiais que davam um toque moderno ao objeto, o antigo estojo caiu em desuso. Porém, um designer argentino resolveu usá-lo como inspiração para criar um modelo sustentável.

A lógica é a mesma. Uma espécie de caixa com tampa frontal deslizante que serve para guardar lápis, canetas, réguas, pequenas tesouras, borrachas e outros objetos. No entanto, o diferencial que Santiago Morahan aplica é o material utilizado: papelão.

Para reaproveitar caixas de papelão, Morahan desenvolveu uma técnica própria que não desperdiça nada. O papelão usado é oriundo de embalagens de produtos maiores e cortado de maneira bem precisa, para que não haja sobras. Várias camadas são coladas juntas para que o produto fique mais forte e resistente.

O papelão utilizado por Morahan é comprado de catadores das ruas por um preço mais alto do que o pago por recicladoras da cidade de Paraná, na província de Entre Rios, na Argentina

Para informações e vendas, envie um email para Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo. ou ligue para +54 34 3435-3617. O designer envia os estojos por correio para fora da Argentina.


Veja também:


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail