Skates simples e funcionais são feitos reaproveitando barris de uísque

A grande ideia da Hepcat é essa: seja simples para inovar

Designers criaram skates feitos a partir de madeira reaproveitada

Não sei vocês, mas uma boa lembrança que tenho da infância é ir na casa dos meus tios, me juntar com os primos e a gurizada da rua, nos embrenharmos em terrenos baldios coletando tábuas de madeira usadas e nos empenharmos na construção de carrinhos de rolimã. Tudo bem roots mesmo - a garotada da vila era sustentável ao máximo, até as rodinhas eram de algum material reaproveitado. Vendo a ideia dos caras da Hepcat, esses gloriosos momentos voltaram à tona e deu pra se sentir criança outra vez.

Ok, não estamos falando de carrinhos de rolimã agora - afinal, a gente cresceu e não é lá muito recomendado ir trabalhar ou só dar um rolê sentado em algumas tábuas com rodas. E nem todas as ruas são ladeiras - mas foquemos na parte importante: reutilização. A Hepcat foi genial em aliar sustentabilidade, mobilidade, estilo e desobediência civil em seus modelos de skate minimalistas, usando os três "erres" que aprendemos na escola tantos anos atrás (veja mais sobre isso). Aliás: mais um ponto pra molecada da minha infância.

Porque quando falamos de skate, falamos não só de um veículo individual ecológico, rápido quando necessário e universal. Falamos de aventura, diversão e altas emoções mesmo se for pra ir ali na padaria. Skate é bacana que só e em vista aos problemas atuais com trânsito, poluição e suas consequências na saúde, torna-se uma opção bem vinda para começarmos a mudar o modo que enxergamos o nosso meio.

Achamos um sem-número de modelos no mercado e ficamos perdidos no meio de tanto shape. Sabemos como funcionam essas linhas de produção, sabemos que o importante é produzir cada vez mais e nesse âmbito, qual seria a procedência da madeira usada? Sem uma investigação prévia, não dá pra ter certeza. Os novíssimos skates movido a energia elétrica prometem sustentabilidade, conforto, agilidade e tudo mais, porém onde fica a aventura? Rola fazer umas manobras com um motor de uns bons dez quilos embaixo dos pés? A criança dentro de nós acha que não.

E daí que entra a Hepcat e seus três modelos de skate: o Flip, Jive & Slim, feitos de madeira reaproveitada de barris de… uísque. Já imaginou todas essas palavras juntas numa frase que não envolvem qualquer efeito catastrófico? Pois é, parece possível. Os modelos desenvolvidos pela Hepcat variam em tamanho de 74 a 55cm, pesam não mais que três quilos e já estão disponíveis para pré-venda. O projeto dos caras no Kickstarter já foi aprovado com uma considerável quantia a mais em dinheiro, provando que apostar em simplicidade é bom pra eles, pra gente, pra cidade e pro meio ambiente. E os caras garantem que a madeira dos barris é tão forte quando o uísque armazenado ali antes. Eu não tenho motivos para duvidar.

Skate

Visite o site e conheça mais a respeito do produto. Confira o vídeo (em inglês) para entender como é feito os skates de madeira reaproveitada.


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail