Google usa Maps para lançar serviço de incentivo à energia solar

Dependendo do sucesso, projeto pode se expandir para outros países

O Google anunciou sua mais nova plataforma: o Project Sunroof. A ferramenta utiliza o serviço de mapas da empresa (Google Maps) para identificar o potencial de uso de energia solar de residências, apontando o espaço útil para instalação de placas solares, estimando em horas o tempo de luz solar que a área recebe, além da economia anual proporcionada.

O projeto será restrito, num primeiro momento, às cidades de Boston, Fresno e São Francisco, nos Estados Unidos. Caso ele seja bem sucedido, crescem as chances de ser expandido para outras cidades do país e, posteriormente, para o resto do mundo.

Para acessar as informações sobre sua residência, o usuário precisa apenas inserir seu endereço. O sistema gera os resultados imediatamente, exibindo um mapa do calor da região. A ferramenta considera uma visualização 3D da casa ou edifício, a presença de sombras (criadas a partir de árvores ou prédios próximos), o posicionamento do sol ao longo de um ano e padrões históricos de temperatura e de incidência de nuvens. Por fim, o usuário pode acessar uma lista de fornecedores de painéis para alugar ou comprar.

De acordo com a empresa, a intenção é incentivar o uso de energia solar por causa da queda do valor de instalação de placas de energia solar nos EUA. O Google também investe em nove projetos de produção de energia solar (um alemão e oito estadounidenses).

Veja como instalar equipamento de energia solar na sua residência clicando aqui.

Veja também:
-Água: o principal modo de resfriar arquivos armazenados digitalmente
-Guia para instalação de energia solar em casa


 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail