"Minhas invenções" - A autobiografia de Nikola Tesla


Inventor "construía" seus projetos na imaginação, de modo tão vívido que podia aprimorá-los e operá-los mentalmente

Nikola Tesla foi físico, matemático, filósofo, engenheiro elétrico e mecânico. Com tanta habilidades desenvolveu inventos e teorias fundamentais para a ciência moderna. Apesar de sua importância no meio científico, poucas pessoas sabem quem foi e quais foram suas contribuições para a comunidade científica. Tesla atuou na área de controle remoto, radares, comunicação sem fio e robótica, mas ficou conhecido principalmente pela construção do motor de corrente alternada.

Quando o assunto é eletricidade, pensamos primeiro em Thomas Edson, o inventor da lâmpada incandescente, e Tesla, apesar de um inventor genial, geralmente é esquecido. Os dois cientistas chegaram a trabalhar juntos, mas divergências na teoria da transmissão de eletricidade transformou os dois cientistas em rivais. Edson defendia a transmissão por corrente continua, que foi batida pelos estudos de Nikola Tesla.

Dentre tantos estudos na área de exatas, uma criação na área de humanas ganha espaço agora e chega pela Editora Unesp. Uma autobiografia chamada “Minhas invenções”, na qual Nikola Tesla conta sua vida desde a infância, passando por seus projetos. O livro também explica como funcionava seu processo criativo, tão complexo e único que permitia desenvolver, operar e modificar suas invenções apenas com a imaginação.

Seu nome inspira, enquanto marca, um dos fabricantes de automóveis pioneiros no segmento de veículos elétricos, a Tesla Motors.


Disponível para venda no site da Editora Unesp.


Veja também:
-175 mil lâmpadas públicas são recicladas no Rio
- Adeus, incandescente!
- Fluorescentes: dos benefícios aos perigos


 

Comentários  

 
+1 #1 Onager 2016-11-23 23:20
O maior gênio de todos os tempos
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail